BRASIL, Centro-Oeste, SENADOR CANEDO, Homem, Arte e cultura, Música, Política
MSN - leandroblamires@hotmail.com

 

    UOL - O melhor conteúdo
  BOL - E-mail grátis
  Vulgo Jamelão
  Esmola Cultural
  Blog do Nirso
  Rubens Paulo Rodrigues
  Diego de Moraes
  Carmelita Gomes
  Bicicletistas Selvagens
  Ponto Eclético
  Raiz da MPB


 

 
 

   

   


 
 
BLOG DO BOGÃO



JON LORD: DAS TREVAS PARA A LUZ... ADEUS

Morreu nesta segunda-feira, Jon Lord, 71, tecladista e (co)fundador da banda inglesa de rock Deep Purple. Os “Profundamente Púrpuras” surgiram na cena roqueira da rainha em 1968 e são responsáveis pela composição de um dos maiores sucessos do estilo em todos os tempos. A música “Smoke On The Water” ainda é uma das mais executadas em todo mundo.

Relembrando os sucessos do Deep Purple coloquei para tocar no meu caquético fone de ouvido “Chlid in Time”. Introdução para muitos pseudo-tecladistas de m#@$% ouvirem e passarem a ter um gosto mais apurado para música.

Não que as letras e as melodias roqueiras sejam as melhores, de toda sorte, são bem melhores que muito “Tchê tchererê, Tchê, Tchê” e “Eu quero tchú/Eu quero tchá” que acabam por ai tocando nas rádios, fones, computadores, IPod’s, IPad’s e IToba’s a custa de muito jabá. Fazer o quê né não!? “Cada um é cada um”. Uns gostam de comer profiteroles e outros gostam de comer cocô. Jon Lord lutava contra um câncer no pâncreas desde 2011, e nesta tarde teve uma embolia pulmonar e não resistiu às suas complicações. A música perdeu uma de suas notas dissonantes. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Muito triste

 

 



Escrito por Leandro Blamires às 14h52
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




CARLINHOS CACHOEIRA, OPERAÇÃO MONTE CARLO...

 

... E MAIS DO MESMO

 

Tem sido amplamente divulgado pela imprensa de todo país o escândalo relacionado ao bicheiro Carlos Cachoeira e a Operação Monte Carlo bem como sua influência por todas as esferas dos setores público e privado.

Acho que a grande questão, antes de mais nada, é saber se ainda existe alguém no Brasil que se mostra chocado com tudo o que tem acontecido. Se ainda há esse ser humano absolutamente sensível recomendo parar a leitura por aqui, já que, o que tenho a dizer é o mais do mesmo.

1. Carlos Cachoeira nada mais é que o homem mais poderoso e influente do estado de Goiás, quiçá dos maiores do Brasil;

2. Os tentáculos de sua organização contraventiva estão em todas as esferas do poder, Coronel chama o mafioso de chefe e mafioso chama o coronel de japonês (quem é a autoridade ai?);

3. Digo contraventiva, porque sua atividade principal (Jogo do Bicho e jogos de azar) não são considerados crimes no Brasil, na verdade, e nos fim das contas, é uma forma de deixar a coisa correr frouxa;

4. O problema é que essa brecha dada pela lei e a ausência total de controle e conivência das forças de segurança, elevam toda a estrutura criada por Carlos Cachoeira numa espécie de máfia tupiniquim com todos os requisitos de uma Camorra, Cosanostra e por ai vai. Com direito a Dom Corleone, Capone e Cachoeirone.

5. A rede estava tão bem montada que o bicheiro atuava em todos os partidos políticos e políticos goianos, indo dos “ilibados” Elias Vaz e Rubens Otoni até os mais sujos como Carlos Alberto Leréia e Jovair Arantes;

6. Baseado no item anterior, não considero o senador Demóstenes como político, mas sim, como uma espécie de serviçal, de um Grão Vizir de Carlos Cachoeira. Ficou muito feio pra ele negar tudo o que aconteceu ao ponto de dizer que não conhecia o contraventor e que não se relacionava com esse tipo de pessoa. E vou mais longe, quem pensa que Demóstenes está morto politicamente está quadradamente enganado. A memória do brasileiro é mais curta que coice de porco, logo, logo estão todos elegendo o salafrário novamente. Não reelegeram o Collor, o Renan Calheiros, José Sarney e Jader Barbalho? Onde o Demóstenes é diferente dessa corja? E será que nós não somos tão ou mais usurpadores e corrompíveis que eles? Afinal, eles não são nossos representantes? Ou estou errado?

7. A empresa Delta, tão execrada, não faz nada que outras empresas que atuam na esfera pública não façam. Essa história de superfaturar é tão comum no Brasil que os empresários e empreiteiros já adicionam no valor final de suas obras, serviços e mercadorias a parte que compete aos políticos (nossos representantes), sendo que independentemente do valor sempre é em dinheiro vivo (ou vocês não viram a matéria do Fantástico onde aquela gordinha disse que pagava até em Yene). Existem histórias onde essas quantias são tão grandiosas que são necessários vários veículos para fazer o transporte das cédulas. E nós ficamos calados não por medo ou coisa do gênero, mas sim porque estamos esperando a nossa vez, consideramos como algo parecido com a loteria, “um dia ganho essa chance”;

8. E o Marconi (pensaram que eu esqueci dele né?). Então o Marconi até agora não foi flagrado nas escutas, mas é o tal negócio, você não foi flagrado e todos sabem que você é o principal, “o maior” nas palavras da grande queda de água. Ninguém é idiota o suficiente para não acreditar que o cara não está envolvido nesse lamaçal. A questão é que o governador habilitou seu Nextel na pessoa da sua chefe de gabinete, ou seja, a pessoa mais próxima dele no governo. Daí, as conversas eram todas repassadas por ela evitando que a voz dele fosse “arapongada”.

No fim, acho que não disse nem meio por cento do que está posto. Todavia, nunca é demais lembrar que nas próximas eleições estarão todos ai novamente, afinal, bandido que julga bandido sempre acha uma forma de trazer o melhor para seu lado e nós como bons imbecis que somos votaremos neles novamente por um prato de galinhada com vinagrete. “E assim caminha a humanidade, com passos de formiga e sem vontade”. É isso.

P.S.: Hoje é dia do livro. E você, já leu algum livro completamente na sua vidinha ridícula? Em caso de negativa ou ter ficado nervosinho saiba que hoje é o dia do livro, essa janela para o conhecimento e para o infinito.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Brincalhão 

 

 



Escrito por Leandro Blamires às 15h13
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




GUERRA DAS MALVINAS

SOBERANIA E TERRITÓRIO

 

O território consiste em área jurídico-política pertencente a uma determinada nação construída ao longo do processo histórico. A soberania de um país considera que todas as decisões tomadas dentro dessa área jurídico-política são de domínio da nação soberana, obviamente, respeitando as regras internacionais principalmente aquelas emanadas pela Organização das Nações Unidas.

A cerca disso, hoje comemora-se a data fatídica do início do conflito armado entre Argentina e Reino Unido pela posse do território conhecido como Ilhas Malvinas. A guerra ficou conhecida como Guerra das Malvinas. O arquipélago foi tomado pela Inglaterra em 1833 e desde então a Argentina reivindica a posse das ilhas, conhecida pelos ingleses como Ilhas Falklands. Na época as ilhas tinham importância ligada a pesca, principalmente de baleias, hoje atua como área estratégica para governo britânico além de recentes prospecções terem levantado indícios de petróleo.

A guerra iniciou em 02 de abril de 1982 terminando em 14 de junho do mesmo ano com a vitória do Reino Unido. O saldo total de mortos é de 907, desses apenas 3 são civis. Hoje, sempre que um presidente argentino deseja aumentar seu grau de popularidade ou está em campanha política ou até mesmo desviar a atenção do povo argentino de algum assunto de maior importância usam o pretexto de retomada das Ilhas Malvinas. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Em dúvida

 



Escrito por Leandro Blamires às 08h53
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




SE VER NO ESPELHO

ÁCIDOS, BELEZA e SUICÍDIO

 

A ex-dançarina paquistanesa Fakhra Younus suicidou-se na Itália no fim da semana passada saltando do sexto andar do prédio onde morava. Fakhra fazia tratamento para corrigir as deformações causadas por queimaduras com ácido jogado por seu marido Bilal Khar (olha o nome do cara) durante uma crise de ciúmes.

Quando tomei conhecimento da matéria fiz uma “brain storm”, e, entre outras coisas, o que me chamou mais atenção foi à questão da perda da beleza, bruscamente ou não, e sua aceitação. Isso porque vivemos numa sociedade onde grande maioria das pessoas dão importância extrema a beleza e a juventude. O problema é que esse tipo de comportamento, em muitos casos, prejudica a maior parcela dessa mesma sociedade, que por sua vez, é feia. Beleza física é coisa rara, se fosse comum não haveria tantos problemas.

Pode ser que Fakhra Younus fora vítima, além da violência do marido, mas também da violência dela própria por não aceitar o fato de ter ficado deformada. Mas, cá entre nós, no lugar dela, muita gente teria feito exatamente à mesma coisa.

Outra questão que levantei está concentrada na forma como as mulheres são tratadas no mundo islâmico. Daí pensei o seguinte. Será que existe sofrimento entre em pessoas que nunca tiveram contato com algo que não lhes faça sofrer? Será que uma mulher no interior de uma aldeia talibã num rincão qualquer do Afeganistão sabe o que seja não sofrer? E será que ela sofre por essa condição?

As religiões tratam o suicídio como um ato pecaminoso e de extrema covardia. Mas, ao mesmo tempo trabalha a questão que num plano metafísico superior todo sofrimento finda. Temer a Deus e as sagradas escrituras, ao que me parece, é mais importante do que amá-Lo. Tudo bem, quem ama não teme, porém, que teme não suicida. O pior de tudo é que o tal do Bilal é filho de um importante político paquistanês e sabe-se que o Paquistão é um dos países mais corruptos do mundo, mais que o Brasil inclusive, e ser político, homem e muçulmano por lá é sinônimo de impunidade. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Em dúvida

 



Escrito por Leandro Blamires às 15h59
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




PRESENÇA AMERICANA NO AFEGANISTÃO

DESPREZO POR OUTRAS CULTURAS

 

Os desdobramentos do fatídico 11 de setembro de 2001 ainda acontecem e vão acontecer por muito tempo. Uma dessas dobras consiste na invasão estadunidense no Afeganistão ocorrida em outubro de 2001, como retaliação e demonstração de poder. A ocupação ainda acontece, mesmo com a promessa feita por Obama ainda em campanha política, de retirada das tropas do território afegão. Ainda não foi consolidada devido a forte possibilidade de o governo talibã, vinculado a Al Qaeda, reassumir o domínio no país (aposto um braço de que isso certamente acontecerá mais cedo ou mais tarde).

Na semana passada, um sargento das tropas americanas no Afeganistão, ainda não se sabe a motivação, matou 16 pessoas de uma mesma família e ateou fogo aos corpos. O oficial está preso sob a custódia das forças de ocupação. O governo afegão exige que o sargento seja entregue ao poder local para que seja julgado dentro das leis do país regidas pelas leis islâmicas, ou seja, vão fazer do cara um hambúrguer. Como o governo do Tio San não vai fazer isso está instalada uma grave crise diplomática.

Esse fato me remeteu a vários outros desrespeitos cometidos pelas tropas americanas, não só em território afegão, mas também em vários outros países onde há presença militar dos EUA tem queimado Alcorões, urinado em cadáveres, dançando sobre corpos e por ai vai. As razões estão vinculadas à insatisfação dos militares com o tempo de duração das ocupações, mas, acima de tudo, com o desprezo total por parte do povo norte-americano por outras culturas.

Essas culturas, principalmente a muçulmana e a latino-americana, sofrem forte preconceito. E isso se traduz no comportamento da população dos EUA no resto do mundo. Esse negócio de se achar os melhores em tudo pode até ser bom para auto-estima e tal, porém, tem sido extremamente danoso para o resto do mundo. Humildade e diplomacia nunca fizeram mal a ninguém. Estou aguardando cenas dos próximos capítulos. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Ira

 



Escrito por Leandro Blamires às 09h08
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




RICARDO TEIXEIRA DEIXA A CBF

MARIONETE ALIENADA

 

O presidente da Confederação Brasileira de Futebol - CBF, instituição de caráter privado com vinculação a FIFA, Ricardo Teixeira abdicou de seu reinado de 23 anos em decorrência de desgastes com os meios de comunicação (diga-se Rede Record, porque a Globo é paga-pau), comitê organizador da Copa de 2014 e, principalmente, governo federal.

Antes de mais nada, é bom que a população brasileira saiba, já que, temos o péssimo hábito de emitir opiniões sem o mínimo de conhecimento prévio, que a CBF e a FIFA, são instituições particulares e não públicas, funcionam como empresas e não possuem em suas jurisdições cargos públicos. Ou você já ouviu falar que a CBF e a FIFA lançaram um edital para concurso público?

Esse caráter privado de tais empresas permite com que elas façam praticamente o que bem entenderem com seu funcionamento bem como suas regras. Não adianta querermos protestar contra algo que não obedece à vontade democrática contra algo que não é nosso não é público. O que está sendo questionado, e ai sim, vai ao encontro com o interesse público, é a relação da CBF/FIFA com o governo brasileiro, tendo em vista que, foram assinados vários contratos de prestação de serviços e organização de eventos cujo financiador é o dinheiro público, ou seja, o meu, o seu, o nosso dinheiro que está sendo perdido pelos veios da corrupção de pessoas que vocês ajudaram a eleger.

A saída de Ricardo Teixeira da CBF tem a finalidade de apaziguar as rusgas e esconder embaixo do tapete os trambiques realizados com o dinheiro do povo. Assume a marionete alienada José Maria Marin, ou vocês ainda acreditam que o Ricardo Teixeira não está por trás manipulando mais um de seus brinquedos? É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Brincalhão



Escrito por Leandro Blamires às 14h16
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




DIA DA MULHER

SEXO FRAGIL?

 

Eu observo quando se aproxima um feriado que as pessoas se movimentam no sentido de desfrutar a folga, curtir o ócio, relaxar de semanas extenuantes de trabalho. Também percebo que muitas dessas pessoas não fazem a mínima idéia do significado do feriado ou da data comemorativa em questão. Não pretendo criticar a completa ignorância das pessoas em relação a isso, somente desejaria que tivessem a mínima noção daquilo que está sendo comemorado ou protestado.

Nesse contexto, dia 8 de março comemora-se o Dia Internacional da Mulher. Mas, você meu querido leitor, já se perguntou por que é esse dia e não outro? O motivo tem haver com uma greve geral promovida por funcionárias de uma tecelagem localizada na cidade de Nova Yorque onde as mesmas protestavam por melhores condições de trabalho e equiparação salarial em relação aos homens, entre outras reivindicações.

A manifestação ganhou uma proporção inesperada, de modo que a polícia foi acionada, e para conter a greve bem como a manifestação das mulheres, as mesmas foram trancafiadas dentro de um dos galpões da fábrica e ateou-se fogo nele matando centenas de trabalhadoras. Um ato de extrema covardia e brutalidade.

Após esse acontecimento protestos e movimentos em favor dos direitos das mulheres culminado em uma conferência realizada na Dinamarca em 1.910 onde foi instituído o dia 8 de março como o Dia Internacional da Mulher.

Desse período para cá várias conquistas foram alcançadas, direitos iguais foram estabelecidos por lei, as mulheres avançaram significativamente em todos os setores do mercado de trabalho. Porém, todas as conquistas têm um preço, e, às vezes, esse preço é caro.

De acordo com Mary Del Priore, uma das maiores especialistas no estudo do papel social das mulheres na história, “apesar das conquistas na vida pública e privada, as mulheres continuam marcadas por formas arcaicas de pensar. E é em casa que elas alimentam o machismo, quando as mães protegem os filhos que agridem mulheres e não os deixam lavar a louça ou arrumar o quarto. Há mulheres ainda, que cultivam o mito da virilidade. Gostam de se mostrar frágeis e serem chamadas de chuchuzinho ou gostosona, tudo o que seja convite a comer. Há uma desvalorização grosseira das conquistas das mulheres, por elas mesmas. Esse comportamento contribui para o grande fosso entre os sexos, mostrando que o machismo está enraizado. E que é provavelmente em casa que jovens como os alunos da Uniban aprenderam a “jogar a primeira pedra” (na aluna Geisy Arruda). (...) Diferentemente de nossas avós, não nos preocupamos mais em salvar nossas almas, mas em salvar nossos corpos da rejeição social. Nosso tormento não é o fogo do inferno, mas a balança e o espelho”.

Creio que existe sim uma grande diferença entre os sexos, e que a luta das mulheres não pode ser generalizada somente em direitos iguais, em muitos casos, os direitos iguais transcendem as barreiras do legal. Tem muita mulher aí desejando ser igual aos homens, e não sei até que ponto isso é saudável. Nós homens estamos já afundados em nossas próprias atitudes e as mulheres estão no mesmo caminho. Como sentir prazer em ter relações extraconjugais, em esquecer que os filhos existem, em serem motoristas agressivas, etc. Espero que essa postagem seja uma forma de trazer aquelas mulheres que estão retrocedendo nas conquistas femininas para o debate, sabendo que essas conquistas foram tão penosas, para serem substituídas tão somente por botox, silicone, colágeno, base, batom, fio dental, vibradores, lingeries, escovas, chapinhas, esmaltes, lipoaspirações, revista caras, novela das oito, cremes e lamas de todos os tipos e tantas outras bizarrices. É isso.

Leandro Blamires, uma peça descartável.Bem humorado



Escrito por Leandro Blamires às 08h49
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




BBB 12

RAFA, REJEIÇÃO E SURTO DE GRIPE

 

É gente, não tem jeito, quando a maçã é podre ela deve ser expurgada para não contaminar as boas. O brasileiro sabe muito bem separar o joio do trigo quando o assunto é Big Brother. O jogo perigoso e acintoso de Rafa levou a um dos maiores índices de rejeição da história do reality 92% dos votos. Ótimo para um cara que se achava acima de qualquer coisa, acima do bem e do mal. Líder do quarto selva jurava ser o melhor e suas atitudes mostraram o contrário. Uma pessoa má, intimidadora e unilateral, o típico idiota. Além de tudo, ainda pegou o resto da festa (Renata) e ficou se achando o galã, o pegador, não passou de um paspalho que foi o último a girar a maçaneta do banheiro de rodoviária (Renata). “Rafa, você demorou até demais nesse jogo. Deste muitíssima sorte.” Pode ser também o fato de as pessoas más durarem mais em competições e na vida de modo geral por serem elas, as pessoas más, determinadas e resistirem mais às intempéries. Vai saber né?

A dinâmica do tempo e do clima estão mudando, como de costume nessa época do ano. Hora propícia para a proliferação do vírus da gripe. Certamente você já deve ter visto alguém bastante gripado esses dias e certamente pegará um resfriado ou mesmo uma gripe fudidaça. Então fique esperto e evite lugares fechados e com aglomerações de pessoas, além de manter sempre as mãos limpas. Como isso é meio impossível é só aguardar que a sua já deve estar incubada. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Bobo

 



Escrito por Leandro Blamires às 15h16
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




PADRE LUIZ AUGUSTO

DOGMAS, HIERARQUIA, PODER E POLÍTICA

 

A Igreja Católica goiana, especificamente a de Goiânia, tem sido alvo de críticas fortíssimas na forma que conduz sua estruturação interna, principalmente sobre a tomada de decisões internas. Uma dessas questões veio à tona devido ao recolhimento do Padre Luiz Augusto para uma espécie de reclusão espiritual, uma tentativa de entendimento com o verdadeiro ritual católico apostólico romano. Não quero aqui, e que isso fique bem claro, desmerecer o trabalho do padre Luiz Augusto junto à comunidade carente, visto que, o que ele tem feito por essas pessoas é de suma importância além de ser um tapa na cara diante na inércia do governo e da grande maioria da sociedade goiana que de falsidade e hipocrisia está transbordando, vide o projeto encabeçado pelo deputado federal João Campos onde trata os homossexuais como doentes mentais.

Tenho acompanhado com bastante atenção os fatos que circundam as religiões ao longo da história. Isso porque as religiões têm influência decisiva nos processos históricos, não é necessário ser um gênio para percebermos isso. O que levou o Padre Jesus Augusto para a geladeira por determinação da Cúria, ao que tudo indica, foi pelo fato da maneira que ele vinha realizando as missas.

É sabido que a missa, assim como o culto protestante, as sessões espíritas, as sessões de candomblé e umbanda, são na verdade rituais, ou seja, todas as religiões seguem um padrão para adoração do seu deus, e qualquer mudança nesse padrão ritualístico deve ser amplamente discutida dentro da hierarquia de cada religião.

A Igreja Católica é uma das mais conservadoras na condução de seus rituais. Qualquer alteração em sua estrutura dogmática é discutida exaustivamente pelo poder central situado no Vaticano e deve ter aprovação total e irrestrita do Papa.

Foi exatamente isso que levou ao recolhimento do padre Jesus Augusto, para que, segundo a própria igreja, voltar para uma revisão, uma reciclagem na forma de conduzir o rito católico.

O que seguiu após isso foi um clamor popular tremendo devido à reclusão e posterior transferência do vigário. Antes disso, a igreja promoveu a transferência do líder espiritual como parte de um processo comum de revezamento dos párocos entre as comunidades, uma dinâmica pastoral digamos assim.

Os relatos de pessoas em transe, seguidos desmaios, choros compulsivos, orações em outras línguas, peregrinações em busca do padre, supostas curas, entre outras coisas, fez com que a Cúria passasse a observar o comportamento do Padre Luiz, e chegaram à conclusão de que deveria ser recolhido imediatamente.

Visivelmente nervoso com a situação o padre durante um tempo preferiu o silêncio, mas, na possibilidade de ser impedido de exercer as funções específicas de líder espiritual decidiu receber a imprensa para mostrar seu desgosto com a situação, porém, sem dar detalhes do que realmente aconteceu.

Vejo que a preocupação da Igreja Católica nesse contexto está em preservar sua imagem, sendo que muito do que estava ocorrendo nas missas do padre Luiz não pode ser comprovado pelo Vaticano a não ser que haja uma intensa investigação. Os seguidores muitas vezes criam situações charlatanescas visando autopromoção ou por possuírem problemas psiquiátricos ligados principalmente à esquizofrenia. Não se pode confundir milagre, visões, mensagens do além, audição de vozes a questões místicas, na verdade, essas pessoas precisam é de ajuda médica séria, além de entender que possuem realmente uma patologia. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Bico calado



Escrito por Leandro Blamires às 08h48
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




INCÊNDIO EM BASE DO BRASIL NA ANTÁRTICA

PESQUISAS PERDIDAS

 

Esse fim de semana (notícia relevante) foi marcado por um incêndio que destruiu cerca de 70% da Estação Antártica Comandante Ferraz. Havia aproximadamente quarenta pessoas na base entre militares, pesquisadores e civis. Todos já foram resgatados com segurança exceto dois que morreram no momento da explosão.

Todos os países que estão dentro dos quadros das Nações Unidas e que pretendem fazer pesquisas científicas na Antártica têm o direito de possuir uma parte do território gelado.

Na verdade, esse triste ocorrido chama atenção para uma questão importante e que raramente é discutida e levada a sério no Brasil. Trata-se dos investimentos em pesquisas científicas importantes. A Estação Antártica Comandante Ferraz no fim das contas não serve para nada a não ser para marcar território brasileiro. Isso porque as pesquisas científicas realizadas por cientistas brasileiros, do ponto de vista prático, não possuem nenhum valor a não ser na formação de geólogos reprodutores de conhecimento, já que produzir ciência realmente não é nosso forte.

Ter perdido ou não tais pesquisas não fazem à mínima diferença, já que, os investimentos brasileiros em pesquisas científicas e tecnologia são tão pequenos que chega a ser ridículo, e isso torna as pesquisas igualmente ridículas. Essa questão me fez lembrar a ida no Major Pontes até a Estação Espacial Internacional. Foi lamentável saber que o major realizou pesquisas relativas ao crescimento de feijões em gravidade zero. Essa mesma pesquisa já foi feita a mais de quarenta anos! Ah! Me ajuda ai!

São por essas e outras que sempre estamos agarrados ao rabo do cometa, sendo subjugados ao domínio tecnológico externo. Enquanto não abandonarmos o complexo de vira-latas sempre estaremos engraxando os sapatos das grandes potências mundiais. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Desanimado

 



Escrito por Leandro Blamires às 11h19
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




OVNI CAI EM CHÁCARA DO MARANHÃO

PROJETO ARIANE

 

É incrível como as pessoas costumam atribuir explicações a fenômenos por elas não compreendidos a entidades sobrenaturais. Se o fenômeno for bom atribui-se a Deus, Jesus, santos, orixás e por aí vai. Se for ruim atribui-se a Lúcifer e toda sua hierarquia de demônios.

Um objeto não identificado caiu em uma chácara no interior do estado brasileiro do Maranhão no último dia 22 por volta das 06h assustando toda a população local. Inicialmente foi somente um grande estrondo, porém, à medida que os rastros deixados na trajetória de queda do OVNI, o medo das pessoas aumentava até que transformou-se em desespero quando depararam com o objeto cravado a mais de 1m de profundidade. Uma mistura de curiosidade, superstição, medo e explicações mirabolantes.

Tudo não passa de um pedaço de foguete pertencente ao governo francês cuja finalidade é colocar em órbita satélites das mais variadas especialidades. O projeto é chamado de Ariane e está em aplicação desde o início da década de 1970. A França possui uma base de lançamento de foguetes na Guiana. É de lá que os satélites do projeto Ariane são colocados em órbita. O fato é que existe na órbita da Terra toneladas de lixo espacial orbitando em cima de nossas cabeças podendo a qualquer momento serem atraídos para a superfície pela força da gravidade. A chance de um resíduo sólido espacial cair em terra é muito pequena tomando por base a superfície sólida ser muito menor, todavia acontece como no Maranhão.

O objeto faz parte do compartimento propulsor do foguete funcionando como um reservatório de gás hélio. Localiza-se na base da estrutura, tendo forma arredondada. Realmente para quem raramente viu uma escola na vida um objeto desses deve causar grande espanto e curiosidade. Lembrando que das 5 piores cidades do Brasil segundo o IBGE, 3 estão no estado do Maranhão, o estado do José Sarney, Roseana Sarney, Corumbá e o maníaco que estuprou, emasculou e matou mais de 30 garotinhos. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Diabólico

 



Escrito por Leandro Blamires às 17h02
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




BBB 12

ÍNDICE DE REJEIÇÃO

 

Laisa deixou o reality com 88% dos votos. A quinta maior rejeição da história do programa. Como bom puritano e escriba que sou votei para que a gaúcha com leves traços de psicopatia deixasse o programa. João Caralho deve estar se achando, mas o dele está guardado.

Imaginando pela dinâmica do jogo e pelo que gosto de ver no BBB acho que votei errado. Com a Laisa participando a chance de haver intrigas, fofocas e barracos aumentariam significativamente, e, no fim, isso é a finalidade do programa, isto é, expor as misérias humanas, até onde conseguimos ser sujos.

Fael e Jonas continuam favoritos, Rafa e Yuri continuam vilões mesmo Yuri tendo tentado ser o mocorongo dos mocorongos ele é sim um dos grandes vilões dessa edição. Péssimo articulador e fofoqueiro deve estar causando náuseas no maior articulador de todos os BBBs o massoterapeuta Jean Massumi. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Bobo

 



Escrito por Leandro Blamires às 08h33
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




CARNAVAL 2012

DESFILE DAS ESCOLAS DO RIO

 

Normalmente não me divirto no carnaval, adoro mesmo é o feriado, ficar em casa tranquilão curtindo o marasmo dos dias dessa festa pagã. Engraçado, as festas melhores do ano para muitas pessoas são aquelas condenadas pelas religiões. Parece que nesses dias o povo tenta se ver livre das amarras que as religiões impõem através da demonização das festas pagãs como o carnaval, a festa da carne.

Como não sou adepto a sair correndo atrás do bloco, naquela cena patética e deprimente, fico em casa assistindo pela tevê as loucuras cometidas pelos foliões sem imaginar que tudo volta ao normal na quarta-feira de cinzas (tu és pó e ao pó retornarás) fora a ressaca moral. Algo do tipo: - Nossa! Tranzei com um cara. Será que minha mulher descobrirá? Ou até mesmo – O que farei agora já que gostei? (Somos soldados/Pedindo esmola).

Voltando a questão dos blocos e do desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro, já que, o desfile de São Paulo está ainda muito longe de ficar bom, notei que as alegorias, os efeitos especiais, os materiais caríssimos usados para proporcionar o maior espetáculo da Terra deixaram muitíssimo a desejar em 2012. Daí você pode ter percebido isso também e ter perguntado por quê?

A resposta é bem clara, na reta final de toda a arrumação da estrutura do carnaval carioca, a polícia civil do Rio desbaratou os maiores financiadores da festa do Momo carioca, ou seja, desarticulou toda a cadeia do jogo do bicho no estado cortando assim o fomento aos barracões das escolas de samba do grupo especial (Olha a lavagem de dinheiro aí gente!).

Quem perdeu foi a Rede Globo, que transmitiu uma festa sem graça, com gosto de soro caseiro, sem mulheres gostosas pagas para desfilar e mostrar aquelas tetas lindas e aqueles traseiros esculpidos. O que vi, na verdade, foi um desfile murcho, sem graça, sem glamour, sem efeitos especiais, e, acima de tudo, sem dinheiro. Vou deixar uma questão no ar: Se os políticos podem fazer o que bem entendem o que é uma contravenção em relação aos bicheiros? No fim o dinheiro é sujo do mesmo jeito. Um, fruto de corrupção; o outro fruto de contravenção penal. Somos um monte de merda dentro da mesma privada. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Bem humorado



Escrito por Leandro Blamires às 14h22
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




TOMAR BANHO DIARIAMENTE

COISA DE BRASILEIRO

 

Uma das coisas interessantes de serem abordadas quando o trabalho é escasso e o ócio prevalece é refletir sobre alguns temas pouco abordados e que, muitas vezes, passam despercebidos pela maioria das pessoas. Ou elas são muito atarefadas ou eu, definitivamente, nunca tenho nada para fazer.

Uma dessas reflexões consiste em saber como é o ato de tomar banho pelo mundo. No Brasil, tomar banho diariamente é algo corriqueiro, normal, cultural até, devido às nossas raízes indígenas e nosso clima cujas médias de temperatura estão sempre acima dos 24° C. Aqui no Brasil quando sabemos que alguém não tem o hábito de tomar banho todos os dias passamos a olhar de modo diferenciado, um pouco atravessado e obtuso. Quando não sentimos um odorzinho um tanto estranho.

Se você, algum dia, tiver que sair do Brasil, a trabalho, lazer, ou qualquer outra atividade, é sempre importante estudar os hábitos cotidianos do povo do país visitado. Os gestos, a gastronomia, os horários, as vestimentas, a religião, os termos linguísticos, os cumprimentos, etc.

A questão do banho é algo que merece estudo prévio, tendo em vista que, o Brasil é o único país do mundo onde se toma banho todos os dias, que se entra embaixo do chuveiro, molha o corpo todo, permite o livre acesso do sabonete e da bucha por todo o corpo. Na Europa, de uma maneira geral, o banho bem tomado acontece uma vez por semana, normalmente aos finais de semana. O restante dos dias a higienização corporal é feita através do uso de lenços umedecidos ou através da limpeza superficial das partes íntimas. Assim o banho semanal é tomado em casas de banho também conhecidas como SPAs. É um hábito milenar na Europa. Da mesma forma que nós achamos estranho eles também acham estranho.

Na África, existem tribos que nunca tomaram banho ao nosso estilo. O fato é que: o banho deles é encarado de outra forma. Várias tribos africanas, higienizam o corpo não com água e sabão, mas com uma mistura de gordura de cabra e barro. As razões estão concentradas no fato de proteger a pele do sol forte e de insetos nocivos.

Na Mongólia as tribos nômades passam meses sem tomar banho, devido ao frio extremo e a dificuldade em manter o corpo sempre quente. Os esquimós que vivem no extremo norte do Canadá tomam banhos mensais, isso nos dias de hoje, porque há bem pouco tempo eles morriam sem saber o que é banho.

Então, quando você chegar a casa, cansadaço do trabalho e dormir sem ter tomado o banho sagrado do brasileiro, saiba que estás amparado por culturas de todo o planeta que ficam semanas sem isso. Napoleão Bonaparte, por exemplo, odiava tanto tomar banho que pedia a sua esposa para fazer o mesmo para que ela não perdesse seu verdadeiro odor em seus momentos íntimos. Além do banho escasso muitas culturas consideram o banho diário danoso à saúde da pele fazendo com que ela fique velha antes do tempo. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Brincalhão

 



Escrito por Leandro Blamires às 14h00
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




BBB 12

FALOU JOÃO MAURÍCIO

 

Com 52% dos votos João Maurício deixou o reality. O goiano/carioca/mauricinho/peão/mane/prolixo foi injustiçado por ser eliminado tão cedo. Uma seqüência de trapalhadas do quarto praia, principalmente no que tange Kelly e Fabiana além da articulação bem feita do quarto selva, que certamente os levará a eliminações cruéis, prejudicaram João Maurício.

Os editores do programa já escolheram seu participante favorito, ou melhor, sua participante, Laisa, dando a ela várias formas de manipular o jogo ao seu favor. Porém, o público já sabe há muito tempo quem são os queridinhos: Fael e Jonas. É isso.

 

Leandro Blamires, uma peça descartável.Bem humorado

 



Escrito por Leandro Blamires às 08h49
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]